Fanfic: Reincarnation soul mate

Ir em baixo

Fanfic: Reincarnation soul mate Empty Fanfic: Reincarnation soul mate

Mensagem  葵 「Shiro」 em Sab Ago 01, 2009 11:59 pm

Nome: Reincarnation Soul Mate
Autor: Shiroyama Anny
Genêro: Deathfic, Drama, Romance, Lemon Yaoi
Personagem: Aoi,Ruki,Reita,Uruha,Kai, Miyavi ( tem possibilidades de outras personagens entrarem na história.)
Casal: AoixRuki

Avisos: Essas história contém cenas de homosexualismo e sexo, caso se sinta ofendido com o contéudo por favor não leia.



Capitulo 01: Dead

A lua aquela noite estava realmente linda, seus raios refletiam nas calmas águas daquele mar, transformando aquele lugar num cenário perfeito para aqueles dois seres que se amavam em plena luz da lua, em um canto isolado daquela ilha.

Não se importavam se alguém pudesse os ver, não se importavam com mais nada além de sentir o prazer que todo esse o amor os proporcionavam.

O moreno, estatura alta, explorava carinhosamente o corpo nu de seu pequeno anjinho que se contorcia de prazer em cada estocada que recebia do moreno.

As mãos do maior apertavam a coxa do loiro, que gemia com a cabeça afundando na curva do pescoço de seu companheiro. O suor escorria pelas belas faces dos amantes, mesclando-se com a brisa do vento que batia em seus corpos, fazendo os fios de seus cabelos iniciarem uma dança sensual, onde o loiro e o moreno se fundiam tornando-se somente um ser. Respiravam o mesmo ar, nutriam o mesmo sentimento, viviam-se um para o outro.

O som dos corpos se chocando e os gemidos de seu companheiro só aumentavam ainda mais o prazer do moreno, que intensificava cada vez mais as investidas dentro do loiro. Não demoraria para chegarem ao ápice

O loiro movimentava o quadril sensualmente no colo do moreno, que gemia descontroladamente enquanto acariciava o membro do seu anjinho. Não demorou muito para que o menor se desfizesse em prazer, sendo logo acompanhado pelo moreno que com um urro de prazer despejou todo seu prazer dentro do outro.

Após o orgasmo, o moreno abandonou o corpo do outro e o aninhou carinhosamente em seus braços. Com as respirações já normalizadas, o casal se entrega novamente em um beijo, porém, um beijo calmo, recheado de amor e paixão.

O beijo foi cessado seguidos de vários selinhos, o moreno deitou-se na areia levando consigo seu anjinho, acolhendo-o em seus braços. Uma caricia no rosto do menor o fez suspirar, arrancando um lindo sorriso do moreno. Ambos olham atentamente as estrelas. O céu estava limpo, possibilitando a fácil visão ás estrelas. A lua cheia dava um toque mais romântico ao momento para o casal que trocavam caricias simples.

- Yuu você acredita em alma gêmea? Pergunta o loiro, encarando o céu fascinado com a beleza do mesmo.
- Acredito sim meu amor - respondeu o moreno, sem deixar de observar o menor.
- E em reencarnação? Você acredita em reencarnação amor?
- Acho que... As duas coisas estão ligadas. - O moreno alisava o rosto do loiro, que passou a lhe observar confuso.
- Como assim?
- Eu acho que uma alma só reencarna em outro corpo quando ela esta em uma busca desesperada por outra alma. –sorriu e roçou seus lábios aos do pequeno.
- E você acha que uma alma reencarnada estaria buscando sua alma gêmea?
- Eu acho que sim.

E o silencio dominou o ambiente por alguns minutos, somente o barulho das ondas se quebrando na margem do mar, e as respirações dos dois amantes eram ouvidas. Porém o silêncio foi quebrado novamente.
- Yuu...
-Hm?
- Você acha que iremos reencarnar? – a voz do loiro era calma, e firme o que fez com que uma expressão confusa nascesse no rosto do maior.
- Sim amor. Com certeza nós reencarnaremos, não vou deixar você tão facilmente – riu, fazendo o menor rir também. – mas por que isso de repente anjinho?
- Só curiosidade amor.
- Taka
- Hm?
- Eu te amo.
- Eu também te amo Yuu. Sempre vou te amar.

E à luz da lua, o casal deixa-se dominar pelo cansaço e adormecem.

OOoOoOoOooOoOoOoOoOoOoOoO________oOoOoOoOoOoOoOoOoOoOoOoOoOoOoO
Dia Seguinte:
O casal já se preparava para voltar para casa e para suas respectivas rotinas. As malas já estavam devidamente arrumadas, esperando somente para serem colocadas no porta malas do carro.
Depois de tudo arrumado, o casal entra no carro e pega a estrada, voltando novamente para suas verdadeiras vidas. O dia seguinte seria realmente cansativo para os dois, voltariam para a empresa e se atolariam de trabalho. Como sempre faziam.
A idéia de tirarem um final de semana para ficarem juntos, foi de Yuu. O moreno achava que ambos trabalhavam de mais e sobrava pouco tempo para se curtirem como casal. O convite foi logo aceito por Takanori, que ficou muito empolgado com a viagem.

O casal estava feliz, e nada poderia tirar deles essa felicidade. Pelo menos era o que pensavam.
O céu escurecia na medida em que se aproximavam da cidade. Finas gotas de água aos poucos foram caindo do céu. Em questão de minutos uma chuva grossa toma conta da cidade, deixando o asfalto da pista completamente escorregadio. Yuu dirigia com o máximo de cuidado para não assustar Takanori, que morria de medo de trovões e relâmpagos.
Um trovão relativamente forte, fez com que Takanori se agitasse e se encolhesse no banco do carro, Yuu preocupado desvia a atenção da estrada na intenção de acalmar o pequeno. Um forte barulho foi ouvido, as atenções foram dedicadas ao lado de fora do veiculo, um caminhão em alta velocidade havia perdido o controle e bateu no carro do casal, jogando-os para fora da pista.

A batida havia sido brusca, o veiculo do casal estava completamente destruído. Em poucos minutos policiais, bombeiros e paramédicos já rodeavam o lugar. Retiraram o casal de dentro do veículo. Yuu estava agarrado a Takanori, como se tentasse protegê-lo, os paramédicos fizeram os primeiros socorros, porém já era tarde demais.

- Os perdemos

Continua...

espero que tenham gostado.
葵 「Shiro」
葵 「Shiro」

Mensagens : 966
Data de inscrição : 01/08/2009
Idade : 28

http://www.disorderk.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Fanfic: Reincarnation soul mate Empty Re: Fanfic: Reincarnation soul mate

Mensagem  M Yune em Dom Ago 02, 2009 2:54 am

NÃO É CASAL CLICHÊ! \*-*/

Esse foi um dos fatores que me fez gostar *_* Tô diabética xD Você escreve muito bem também, viu ^^

Mas aqui '-'~ Não é necessário colocar OOoOoOoOooOo_______OoOoOoOoOoOoO e "dia seguinte:". É só deixar o negócio fluir xD

Mas é só minha opinião '-' *foge das pedras*
M Yune
M Yune

Mensagens : 218
Data de inscrição : 31/07/2009
Idade : 24

http://www.marble-hell.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Fanfic: Reincarnation soul mate Empty Re: Fanfic: Reincarnation soul mate

Mensagem  葵 「Shiro」 em Dom Ago 02, 2009 2:58 am

M Yune escreveu:NÃO É CASAL CLICHÊ! \*-*/

Esse foi um dos fatores que me fez gostar *_* Tô diabética xD Você escreve muito bem também, viu ^^

Mas aqui '-'~ Não é necessário colocar OOoOoOoOooOo_______OoOoOoOoOoOoO e "dia seguinte:". É só deixar o negócio fluir xD

Mas é só minha opinião '-' *foge das pedras*

é que tem alguns leitores no Nyah que não entendem bem o que se passa se não especificar o dia, inclusive nos outros capitulos tem data e hora dos acontecimentos....

obrigado pela dica
葵 「Shiro」
葵 「Shiro」

Mensagens : 966
Data de inscrição : 01/08/2009
Idade : 28

http://www.disorderk.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Fanfic: Reincarnation soul mate Empty Re: Fanfic: Reincarnation soul mate

Mensagem  Te-chan em Dom Ago 02, 2009 4:47 am

eu sou super fã de casais diferentes, mas, Aoi x Ruki ficou muito perfeito na sua história *------------*
sua escrita é ótima...
eu adorei *----* e vou continuar acompanhando *---------------*


beijos (fiquei com vontade de postar uma fic *-*)
Te-chan
Te-chan

Mensagens : 48
Data de inscrição : 01/08/2009
Idade : 24
Localização : Caicó - RN

http://marble-hell.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Fanfic: Reincarnation soul mate Empty Re: Fanfic: Reincarnation soul mate

Mensagem  Frience em Dom Ago 02, 2009 2:18 pm

Pow, casal diferente, ficou legal \*-*/

Queria saber escrever assim, todas as minhas fics são comédia-nosense DDD:
XDDD'

eu adorei *----* e vou continuar acompanhando *---------------* [2]
Frience
Frience

Mensagens : 1436
Data de inscrição : 31/07/2009
Idade : 27
Localização : Ruki's House

http://iheartkara.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Fanfic: Reincarnation soul mate Empty Re: Fanfic: Reincarnation soul mate

Mensagem  Mariana. em Dom Ago 02, 2009 7:26 pm

MOCINHAAS Mad

Vão para a parte de comentários
pra que o fluxo da fanfic não fique confuso
e para que os capitulos possam ser postados seguidos

onegaii *cara de cãozinho pidão*

* Estou me sentindo uma Chataaa*
Mariana.
Mariana.
Admin

Mensagens : 333
Data de inscrição : 29/07/2009
Idade : 26
Localização : Terra das Jujubas roxas com pintinhas amarelas

http://gazebr.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Fanfic: Reincarnation soul mate Empty Re: Fanfic: Reincarnation soul mate

Mensagem  Frience em Dom Ago 02, 2009 7:35 pm

^Abri um tópico pra comentar a fic em comentários, tá?
Espero que a autora não se importe DDD: Se sim, desculpe!
Recortei e colei meu coment lá o/

{Tópico dos Comentários dessa fic AQUI}
Frience
Frience

Mensagens : 1436
Data de inscrição : 31/07/2009
Idade : 27
Localização : Ruki's House

http://iheartkara.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Fanfic: Reincarnation soul mate Empty Re: Fanfic: Reincarnation soul mate

Mensagem  葵 「Shiro」 em Dom Ago 02, 2009 11:15 pm

Algumas pessoas que leram essa fic no nyah me falaram que ela dá medo o.o pale mas não dá eu juro.
Como eu havia dito (acho que foi pra frience), muitas pessoas se confundem com o tempo e a hora dos acontecimentos desta fic, e é por isso que eu coloco os locais e as horas de tudo que se passa nela....

okay já falei demais

Boa leitura

Capitulo 2: Sings

Kanagawa,17 de fevereiro
07h30min


O sol acabara de nascer naquela manhã, os ventos que ainda batiam nas árvores faziam as folhas balançarem e algumas flores cair. Os passarinhos cantavam alegremente em seus ninhos, fazendo com que aquele nascer de manhã se tornasse agradável.



Em uma varanda de uma grande casa de cor verde esmeralda, se encontrava um garoto de estatura baixa, pele clara, cabelos tingidos de vermelho e um olhar negro docemente direcionado aquela manhã tão bela. Seu semblante era de tristeza, mesmo com o sorriso que contornava em seus lábios, s era facilmente percebível a tristeza que seus olhos emanavam.
Debruçou-se no parapeito da varanda e respirou profundamente aquele ar puro que recebia das árvores. Sentia-se bem consigo mesmo quando estava em meio à natureza, sentia-se internamente feliz.
Estava hipnotizado com a beleza da natureza, que nem percebeu a presença de alguém ao seu lado. Uma senhora de cabelos negros posicionou-se ao lado do jovem rapaz, que ao percebê-la lhe direcionou um sorriso meigo.



- Takanori Matsumoto acordado a essa hora da manhã? – riu a senhora observando o rapaz ao seu lado


- A manhã esta tão linda- suspirou- e... Eu adoro esse ar da manhã.


- ultimamente você anda tão cabisbaixo. Esta assim por causa do Hiro?



- Tia Yumu, eu não sei o que esta acontecendo comigo – falou o ruivo com os olhos lacrimejantes


- o que te abala meu amor? –indagou à senhora, abraçando o jovem e afagando seus cabelos delicadamente.


- E-eu... Eu sinto que... Falta algo em mim



- Vem – segurando a mão do garoto, a senhora o induziu a sentar-se em uma das cadeiras que rodeavam uma pequena mesa de madeira - conte a sua tia o que esta te afligindo.


- Eu –suspirou – faz algumas semanas que... Em todas as noites, eu tenho os mesmos sonhos. São sempre iguais, não mudam em nada. Isso me assusta tia



- Quer contar como é esse sonho?





- Eu estava em uma ilha ou praia não sei exatamente, mas era deserta – fechou os olhos na intenção lembrar claramente as cenas passadas no sonho - Eu estava com alguém. Mais alto que eu, cabelos cumpridos, eu posso ver seu rosto no sonho, mas eu não consigo me lembrar ao acordar. Ele me beijava, era um beijo que eu não consigo explicar, era como se o mundo parasse nesse momento – uma lágrima ameaçou rolar pelo belo rosto do ruivo, e ele não a impediu: deixou-a traçar um caminho até seu queixo e finalmente cair uma gota – Ele sussurrava no meu ouvido que me amava e que não me abandonaria. Mas, de repente tudo escurece, um frio insuportável toma conta do meu corpo e eu fecho os olhos por um instante, mas quando eu os abro ele já não esta mais ali. Meu peito dói e tudo que eu consigo fazer é chorar. E então eu acordo. É sempre assim tia Yumu, é sempre igual, é sempre dolorido. E desde então, eu sinto esse vazio dentro de mim, eu sinto falta de algo que eu não sei o que é.


- Taka você acredita em alma gêmea?


- Tia você não quer dizer que...



- Você acredita em alma gêmea Taka?


- Eu não sei, é algo tão novo pra mim sabe, eu queria que tudo isso passasse, mas não passa.


- Sabe às vezes acontecem coisas na nossa vida que não podemos explicar, assim como isso que esta acontecendo com você. ] Talvez seus sonhos sejam algo como uma mensagem de alguém que precise muito de você, ou um aviso, não sei há muitas possibilidades. Mas não deixe que isso te abale, aprenda a lidar com essa situação caso contrário você pode ir à loucura. – sorriu à senhora, levantando-se do aposento – Tudo ficara bem meu pequeno.


- Obrigada tia, eu me sinto mais aliviado - sorriu o garoto, levantando-se também – vou dar uma volta pelo parque e depois termino de arrumar minhas coisas na mala.


- Então você vai mesmo para Tókio?


- Vou sim tia, talvez lá eu possa encontrar as respostas para as minhas perguntas. Algo dentro de mim diz que eu tenho que ir.


- Então vá, eu estarei aqui torcendo por você.


- Arigatoo



17 de fevereiro
10h02min


Takanori acabara de chegar a sua casa, após um passeio no parque com seu amigo Kai. o ruivinho decidiu preparar suas malas para a viajem. Devido ás suas ótimas notas na escola, o garoto havia ganhado uma bolsa numa das melhores universidades de Tókio, onde cursará direito. Sempre fora o sonho de Takanori se tornar um grande advogado, queria punir aqueles que fazem mal as pessoas, por esse motivo ele estava agora arrumando suas malas para assim poder ir à busca de seu sonho. E talvez encontrar muitas surpresas.



Tókio,12h25min, 17 de fevereiro

- Yuu aonde você vai? Perguntou um loiro de cabelos e olhos cor de mel, aparentemente mais alto que o moreno.


- Não sei Uru, vou dar uma volta por ai, pensar um pouco – respondeu o moreno, vestindo seu casaco preto e dirigindo-se para fora do apartamento do loiro.

Caminhava lentamente pelas ruas movimentadas da grande cidade de Tókio, precisava por seus pensamentos em ordem, precisa de um tempo sozinho. Fazia algum tempo que o rapaz sentia-se diferente, uma ansiedade fora do normal o invadia o peito. Não sabia exatamente o porquê de tudo isso, mas sabia que algo incrivelmente importante aconteceria em sua vida.

Continua....
葵 「Shiro」
葵 「Shiro」

Mensagens : 966
Data de inscrição : 01/08/2009
Idade : 28

http://www.disorderk.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Fanfic: Reincarnation soul mate Empty Re: Fanfic: Reincarnation soul mate

Mensagem  葵 「Shiro」 em Qui Ago 06, 2009 6:18 am

Capitulo 3: Mistery

Tókio, 17 de fevereiro, 18h23m

Aoi’s POV

Eu estou ficando louco, essa é a única explicação para tudo que esta acontecendo comigo. Sinto como se meu peito fosse explodir, e, Deus que ansiedade é essa?

Balanço negativamente a cabeça, deixando um suspiro cansado sair dos meus lábios, eu havia caminhado muito desde que sai do apartamento de meu namorado Kouyou. Olhei no relógio espantado ao ver a hora que já era.

Levantei-me do banco em que passei horas sentado, pensando em como minha vida mudara desde que comecei a namorar Kouyou seguindo o mesmo caminho de volta para minha casa.

Ele devia estar uma fera, e eu o compreendia, afinal quem não ficaria daquela forma ao ser deixado em casa depois de uma “quase” transa? Sim quase transa, pois eu não consegui tocá-lo como sempre e por esse motivo não irei procurá-lo agora.

Sei que foi uma atitude covarde de minha parte deixá-lo sem dar nenhuma explicação, mas eu não poderia ficar lá, não depois de não ter conseguido dormir com meu namorado. Algo ali estava estranho, não, algo em mim estava estranho.

Uruha, como eu o chamo, é uma pessoa maravilhosa, sempre se preocupando com meu bem estar, nunca me deixando sozinho. Não vou dizer que o amo, pois seria hipocrisia da minha parte, pois pra mim amor é um sentimento único e sei que não nutro esse sentimento por ele. Mas posso dizer que gosto da presença dele, gosto do jeito que ele me trata e principalmente de seus sorrisos. E foi por todos esses motivos que começamos a namorar no verão passado. O começo foi uma maravilha, mas nem todos os relacionamentos são flores e depois de um tempo as diferenças veio à tona. Sei que todo casal tem suas diferenças, e Kouyou e eu não seria uma exceção. Mas de algum modo eu não estava me sentindo feliz com esse relacionamento. É estranho, mas é assim que eu me sentia.



Após alguns minutos de caminhada, avistei o prédio onde eu morava não era longe e por essa razão fui andando mesmo. Adentrei-o, sem a necessidade de me apresentar, pois o porteiro já me conhecia, e conhecia muito bem.

Apertei o botão e aguardei a grande caixa de metal denominada “Elevador”, não demorou muito para que chegasse e então logo entrei, e apertando o botão com o numero do andar em que se localizava meu apartamento , suspirei encostando-me na parede do elevador.

Não demorou muito e eu cheguei ao meu destino. Caminhava calmamente pelo corredor, procurando as chaves do meu apartamento. Achei-as e sem mais delongas abri a porta e adentrei o local. Meus olhos se arregalaram ao ver o Loiro sentado no sofá com um semblante digamos que “Assustador”.



-Shiroyama Yuu posso saber onde diabos você se enfiou? Falou gritando, me fazendo recuar um passo. – Como ousa me deixar em casa sozinho e sair sem me dar uma explicação?

Como eu havia dito anteriormente, ele estava uma fera.



- Desculpa – abaixei a cabeça e falei quase num sussurro



- Você me deixa sozinho e tudo que consegue dizer é “Desculpe”? Yuu o que esta acontecendo? - o loiro já não gritava sua voz agora era serena, mas mesmo assim eu não estava relaxado, pois precisava dar uma explicação a ele e essa seria a pior parte.



- Desculpa, mas eu precisava ficar sozinho – joguei as chaves no sofá e me sentei no mesmo, sentia o olhar de Uruha sobre mim e eu estava um tanto incomodado com isso.

- Tudo bem Yuu – senti sua voz mais fraca, e o loiro se direcionar a porta que dava à saída – Se quiser conversar me procure, você sabe que pode confiar mim



E então ele foi embora, e eu fiquei ali, no sofá da minha casa sem saber o que realmente fazer para mudar essa situação.

Se é que ela poderia ser mudada.

Fui para o meu quarto, e me joguei em minha cama, eu estava cansado e precisava de um repouso. Suspirando fechei meus olhos, não demorou muito para que o sono se apoderasse de mim.



_Yuu... Yuu... Estou com medo, está frio e escuro você disse que nunca me deixaria. Yuu Venha me buscar.



Acordei assustado e quase pulei da cama, eu estava suado e com o coração acelerado. Mais uma vez esta voz, mais uma vez alguém esta me chamando. Mas quem? Quem precisa tanto de mim, que não me deixa viver em paz?

_________________
Deus existe e se chama: Shiroyama Yuu
♥️--------------♥️---------------------♥️--------------------------


Eu te amo <3

Fanfic: Reincarnation soul mate Wallpapers02

Perfeito para mim ♥️
葵 「Shiro」
葵 「Shiro」

Mensagens : 966
Data de inscrição : 01/08/2009
Idade : 28

http://www.disorderk.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Fanfic: Reincarnation soul mate Empty Re: Fanfic: Reincarnation soul mate

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum