Fanfic: Yoru Ni Shika Sakanai Mangetsu

Ir em baixo

Fanfic: Yoru Ni Shika Sakanai Mangetsu Empty Fanfic: Yoru Ni Shika Sakanai Mangetsu

Mensagem  Tiia Matsu em Ter Ago 04, 2009 3:51 pm

Lemonada, lemonada, quem gosta? 8D
Então, one-shot tranbordando lemonada, espero que gostem G_G

Título: Yoru Ni Shika Sakanai Mangetsu
Sinopse: Eles estavam completando um ano de namoro... Reita achava que Ruki havia esquecido. Mas ele não sabia que o mesmo tinha uma surpresa para ele...
Classificação: +18
Categorias: the GazettE
Personagens: Reita, Ruki
Gêneros: Lemon, Romance, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Nudez, Sexo


O dia estava sendo bem corrido para Ruki. Além de passar o dia todo na PS Company acertando os últimos detalhes da próxima turnê, hoje também ele e Reita completavam um ano de namoro e ele estava preparando uma surpresa para o seu amado.

O menor andava de um lado para o outro falando ao celular, atraindo os olhares confusos de seus companheiros de banda, inclusive de Reita que parecia estar muito curioso. Quando todos voltam a ensaiar, o celular de Ruki toca novamente.

- Kai, eu juro que é a última vez e é rápido. – diz ele saindo do estúdio para atender o celular.

- O Ruki tá estranho né? – fala Uruha indo pegar uma garrafinha de água no frigobar que havia no estúdio, logo sentando no sofá ao lado de Aoi apoiando suas pernas sobre as dele.

- Muito, hoje ele não parou de falar no celular. – diz o guitarrista moreno acariciando as coxas do loiro.

- Eu só espero que essa seja a última vez como ele disse, pois não podemos ficar interrompendo o ensaio. Afinal estamos perto do primeiro show da nova turnê. – fala Kai.

- Reita, você tá sabendo de algo? – pergunta o loiro mais alto ao rapaz de faixa que tocava algo em seu baixo.

- Não, ele não me disse nada. – ele para imediatamente o que fazia, cruzando os braços e apoiando o queixo em sua mão direita, pensativo. – E o mais estranho é que hoje estamos completando um ano de namoro e ele não falou nada o dia todo.

- Hum... E o que você pretende fazer, já que hoje é uma data especial para os dois?

- Eu tava pensando em levar ele para algum restaurante, tipo um jantar romântico. E também comprei algo para ele. – ao falar, o baixinho volta.

- Gente, me perdoem, foi a última vez. – diz ele sorrindo sem jeito.

- Tudo bem Ruki. – fala o baterista sorrindo, mostrando suas covinhas adoráveis. – E aí, vamos continuar?

Todos acenam a cabeça concordando e voltam para seus lugares, retomando assim o ensaio que segue tranqüilo, sem erros ou o celular de Ruki interrompendo.

Já eram, mais ou menos, oito horas da noite quando o líder decide encerrar o ensaio. Enquanto todos se preparavam para ir embora, Ruki puxa Uruha num canto mais afastado do estúdio.

- Uru, eu preciso que você me ajude. – o menor diz baixinho.

- Mas ajudar em quê? – o loiro o olha confuso.

- Preciso que você e o Aoi segurem o Reita por um tempo.

- Por quê?

- Porque hoje estamos completando um ano de namoro e eu tô preparando uma surpresa pra ele. – Ruki sorri, corando um pouco.

- Hum, entendi. Mas como a gente vai fazer isso?

- Sei lá, inventa qualquer coisa, só quero que você o segure um pouco.

- Quanto tempo?

- Huuum... Uma hora é o suficiente, assim que estiver tudo pronto, eu te ligo ok?

- Ok, pode deixar. – Uruha sorri.

- Muito obrigado Uru.

Eles voltam para terminar de arrumar suas coisas. Ruki se despede de todos rapidamente e sai apressado, deixando um Reita completamente confuso. Uruha percebendo a reação do loiro de faixa pensa em algo. Logo depois, Kai também se despede e vai se encontrar com Não.

- Eer, Aoi vamos... É... Passar no supermercado antes de irmos pra casa? – Uruha pergunta chamando a atenção dos outros dois que ainda estavam na sala.

- Han? Mas você quer comprar o quê? – o moreno diz olhando atônito para Uruha.

- A gente vai comprar... Eer... – o loiro para um pouco pra pensar. – Chocolate! É a gente vai comprar chocolate.

- Mas amor, nós compramos chocolates on-... – logo Aoi é interrompido pelo loiro.

- Shiroyama Yuu, não me contrarie. Nós vamos comprar chocolates e pronto.

- Tá.

- Eer, gente eu vou embora ok? – fala Reita indo em direção a porta.

- Nada disso Reita, você vai com a gente. – disse Uruha.

- Eu? – o baixista arqueia uma sobrancelha.

- Sim.

- Mas...

- Sem mas Reita, vamos.

E o guitarrista loiro sai puxando os dois. Eles saem do prédio e vão para o supermercado no carro de Aoi. Rapidamente eles chegam e entram no local, indo diretamente para o setor de doces. Uruha fica passeando pelo corredor com a cestinha na mão escolhendo os chocolates, enquanto Aoi e Reita conversavam sobre alguma coisa.

- Aoi! – o loiro chama a atenção do outro. – Me ajuda aqui.

- Ajudar em quê amor? – pergunta Aoi se aproximando.

- Eu não sei se levo esse que é recheado com cereja... – ele aponta para o chocolate na prateleira. – Ou esse com avelã. – e Uruha põe o dedo entre os lábios, indeciso.

- Então leve os dois. – diz o moreno, simplista.

- Se fosse pra levar os dois eu não pedia sua ajuda. – ao dizer isso, Reita põe a mão na boca, prendendo o riso.

Quase uma hora se passa assim, com Uruha indeciso entre os chocolates, Aoi já perdendo a paciência e Reita rindo da situação. Enquanto isso, Ruki já havia arrumado todo o apartamento e também já estava pronto, então resolve ligar para Uruha.

Uruha sente seu celular vibrar em seu bolso, se afastando dos outros dois. Ao pegar o aparelho, reconhece o número.

- Ruki? Tá tudo pronto?

- Sim Uru, já tá tudo pronto. Pode trazer o Reita.

- Ok, daqui a pouco estamos chegando aí.

- Certo. – Ruki desliga, aguardando ansioso.

- Vamos embora. – diz o guitarrista loiro passando por Aoi e Reita.

- Embora? Mas você não vai comprar os chocolates? – Aoi fala o seguindo, sendo acompanhado por Reita.

- Não quero mais. – Uruha sorri, largando a cestinha em algum lugar. Eles saem do supermercado. Logo depois, chegam ao prédio onde Ruki e Reita moravam.

- Valeu pela carona gente. Até amanhã. – Reita sai do carro.

- Até Reita... E divirta-se. – o loiro mais alto sorri maliciosamente enquanto Reita se afastava.

- Não entendi essa parte do “divirta-se”. – Aoi comenta olhando confuso para o outro.

- Em casa eu te explico Aoi. – Uruha dá um selinho no moreno, e eles vão embora.


Última edição por bruh_matsu em Ter Ago 04, 2009 3:52 pm, editado 1 vez(es)
Tiia Matsu
Tiia Matsu

Mensagens : 1192
Data de inscrição : 01/08/2009
Idade : 26
Localização : Hellcife 8D

http://fotosgazerock.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Fanfic: Yoru Ni Shika Sakanai Mangetsu Empty Re: Fanfic: Yoru Ni Shika Sakanai Mangetsu

Mensagem  Tiia Matsu em Ter Ago 04, 2009 3:51 pm

Reita entra no prédio, cumprimenta o porteiro, indo para o elevador e aperta o botão do décimo sexto andar. Enquanto esperava, colocou a mão no bolso tirando uma caixinha preta de veludo, abrindo-a e olhando o que tinha dentro, logo recolocando a mesma onde estava. Chegando ao andar, o elevador abre as portas e ele sai distraidamente pegando sua chave no bolso. Ao abrir a porta, ele tira os sapatos e entra no apartamento escuro, iluminado apenas pela luz da lua que adentrava pela varanda. Reita vai pelo corredor e então percebe uma luz baixa vinda de seu quarto.

Ao entrar no mesmo, um sorriso se forma em seus lábios. A iluminação vinha de pequenas velas aromatizadas, espalhadas pelo o aposento, na cama, lençóis brancos com detalhes vermelhos. Na mesa de cabeceira, uma garrafa de champagne descansava em um balde de prata com gele e duas taças ao lado. Seus olhos percorreram todo o quarto, maravilhado, ainda com um sorriso no rosto. Logo ele sente dois braços lhe envolverem e seu sorriso se alarga ainda mais.

- Gostou da surpresa Rei-chan? – diz Ruki deitando a cabeça nas costas de Reita.

- Claro que sim meu amor. – o loiro mais alto fala virando e ficando de frente para o menor, segurando as mãos deles. – Tá tudo perfeito. Então, foi por isso que...

- Passei o dia todo falando no celular, preparando tudo. Queria que tudo estivesse do jeito que você disse, perfeito. – Ruki se afasta, pegando a garrafa de champagne e abrindo-a, logo despejando seu conteúdo nas taças, entregando uma para Reita. – E isso tudo é para nós dois, por estarmos completando um ano de namoro. – o menor ergue um pouco a taça, e então eles brindam, sorvendo um pouco do líquido espumante.

- Ruki, eu não sei o que dizer... – Reita suspira, olhando fixamente para o outro.

- Não precisa dizer nada Reita. – Ruki então pega a taça da mão do outro a colocando no mesmo lugar que estava junto com a sua. Ao voltar, é abraçado carinhosamente por Reita.

- Eu te amo Ruki... Te amo muito. – diz o mai alto apertando o outro em seus braços. – Quero ficar com você pra sempre.

- Eu também te amo muito Reita e te amarei pra sempre. – Ruki sorrindo largamente.

Reita então se afasta um pouco apenas para observar o rosto de seu amado, acariciando o mesmo, se aproximando e logo selando seus lábios. O beijo iniciando-se calmamente, Ruki sente a língua do loiro pedindo passagem, entreabrindo os lábios rapidamente e levando uma mão até a nuca do baixista, aprofundando o beijo. Seus dedos se enroscavam nos cabelos do mais alto, fazendo uma leve carícia. Reita o puxava para si, enquanto explorava novamente aquela boca tão conhecida. Suas línguas travavam uma batalha amorosa, num beijo cheio de amor e desejo. Quando sentem o ar faltar nos pulmões, eles se afastam minimamente.

Reita então abraça o menor pela cintura, descendo até o pescoço dele, beijando e sugando a pele branca deixando algumas marcas avermelhadas, enquanto o conduzia até a cama. Ruki estava com as mãos apoiadas nos ombros do baixista, inclinando a cabeça um pouco para o lado deixando seu pescoço mais visível. O mesmo se afasta um pouco apenas para tirar a jaqueta que Reita usava, os dois logo iniciando outro beijo, esse mais intenso.

Enquanto se beijavam, Reita deitava o menor na cama calmamente, se apoiando nos joelhos. Ele se afasta um pouco e começa a descer, distribuindo beijos pelo pescoço do outro, suas mãos abrindo os botões da camisa de Ruki, lambendo cada pedaço de pele que aparecia. O baixista para em um dos mamilos, prendendo-o entre os dentes para logo circulá-lo com a língua, fazendo Ruki se contorcer e soltar gemidos baixinhos. Após tirar a camisa, ele se debruça sobre o pequeno que rapidamente tira sua regata. Reita leva suas mãos a calça de Ruki, abrindo-a, puxando a mesma juntamente com a boxer do outro, que geme ao sentir-se livre do aperto. O loiro alto fica olhando o menor, admirado ao ver o seu amado tão entregue, quando num movimento rápido, ele se vê deitado com Ruki sentado em seu quadril debruçado sobre seu corpo.

- Rei-chan, você ainda está tão vestido. – diz Ruki sussurrando no ouvido do outro, em seguida mordendo o lóbulo da orelha dele.

- Então, por que você não tira logo essa roupa? – ao dizer isso ele pega a mão de Ruki e a leva até a própria ereção. – Tô me sentindo tão apertado chibi. – ele diz olhando maliciosamente para o menor, que morde o lábio inferior.

Logo Ruki desce, fazendo um rastro de saliva pelo abdome do outro, sugando a pele levemente. Suas mãos se apressavam em desabotoar a calça de Reita, tirando-a rapidamente, começando a cariciar o membro do mesmo por cima da roupa íntima com movimentos lentos. De repente Ruki para e se afasta um pouco, se esticando para pegar um cubo de gelo no balde onde estava a garrafa de champagne e colocando-o na boca, passando pelos lábios deixando-os ainda mais vermelhos para logo depois beijar os lábios do outro. Reita se arrepia ao sentir a boca gelada de Ruki se juntar a sua, começando um beijo cheio de luxúria. Enquanto isso, o loiro mais baixo passava o cubo de gelo pelo corpo do baixista até o mesmo derreter por completo. Ele então encerra o beijo com uma leve mordida no lábio inferior de Reita, para depois descer recolhendo a água com a língua pelo tronco do outro até a barra da boxer, prendendo-a entre os dentes para depois puxá-la para baixo, sem deixar de manter o contato visual com o outro. Ruki tira a boxer de Reita e começa a beijar a parte interna da coxa dele enquanto também acariciava a mesma.

Reita observava todos os movimentos do outro, até que sente a língua rápida de Ruki lamber a ponte do seu membro, fazendo-o soltar um gemido abafado. Ruki passa a lamber toda extensão de Reita, enquanto massageava a base. Logo ele abocanha todo o membro, roçando os dentes levemente, sugando a glande com força. O loiro maior gemia alto, seus olhos estavam semicerrados, sua mão indo até a cabeça do menor enroscando-se em seus cabelos sem puxar, apenas incentivando-o. Ruki continuava seus movimentos, aumentando o ritmo e a força das sucções, fazendo Reita estremecer gemendo alto. Ao perceber que Reita chegaria ao seu limite, o menor para, fazendo o outro soltar um gemido em reprovação.

- Calma Rei-chan, deixe o melhor para o final. – diz ele sorrindo maliciosamente.

- Ruki... Você adora me enlouquecer nee?

- Também, mas eu adoro mesmo é ouvir você gemendo.

- Huuuum... – Reita então segura Ruki pela cintura logo o deitando na cama e ficando entre as pernas dele. – Sabe que eu também adoro escutar seus gemidos?

- É mesmo? – o menor passa os braços pelo pescoço do outro, sussurrando no ouvido dele. – Então me faz gemer... Eu quero você dentro de mim Rei-chan.

Após dizer isso, Ruki segura a mão de Reita e a leva até a boca lambendo e sugando três dedos. Reita só em vê-lo lambendo seus dedos daquela forma tão erótica, sentia fisgadas em seu baixo-ventre. Ele tira os dedos da boca do menor os substituindo por sua boca iniciando um beijo intenso, forçando um dedo contra a entrada do mesmo. Ruki geme entre o beijo, sentindo apenas um desconforto. O baixista penetra o segundo dedo movimentando-os, logo o terceiro se juntando aos outros, enquanto mordia o lábio inferior do menor. Quando viu que Ruki já estava mais relaxado, ele se posiciona melhor entre as pernas do outro, então penetra seu membro, mordendo e lambendo o pescoço do outro.

Ruki enlaça as pernas na cintura de Reita o puxando mais, gemendo languidamente e fechando os olhos por causa da dor. Reita então põe a mão no membro do outro, estimulando-o. Logo o pequeno se mexe um pouco gemendo alto, para que Reita se movimentasse. O mais alto rapidamente entende o sinal, então começa a se movimentar. Suas estocadas eram fortes, porém lentas, estimulando o menor no mesmo ritmo.

- Rei... Ahn... Re-Reita mais... Mais rápido... – diz Ruki entre gemidos.

Os movimentos do loiro mais alto aumentam, indo mais fundo, acertando um ponto sensível de Ruki, fazendo o mesmo gritar de prazer. Reita investe contra aquele ponto várias vezes, sentindo o vocalista arranhar suas costas. Os gemidos se misturavam com o som dos corpos se chocando. Ruki começou a sentir espasmos pelo corpo, quase chegando ao limite.

- Reita... Eu vou... Aaahn...

- Vem Ruki... Vem aaah... Vem comigo... Goza pra mim...

Ruki logo se desfez na mão do outro, sujando os corpos. Reita também chega ao ápice, preenchendo o menor com seu prazer, ofegante. Ele então sai de dentro de Ruki o puxando para um beijo calmo e carinhoso, enquanto acariciava seu rosto. Eles se afastam, encerrando o beijo com um selinho demorado.

- Eu te amo tanto meu baixinho. – Reita diz sorrindo, enquanto afastava algumas mechas de cabelo do rosto de Ruki.

- Eu também Rei-chan... Eu te amo demais. – fala o vocalista sorrindo largamente.

- Ah! Quase ia me esquecendo... – Reita levanta indo até a sua calça que estava jogada no chão, procurando algo em seus bolsos, encontrando e voltando para cama.

- O que é isso Reita?

- Já que eu não havia comprado nada quando oficializamos nosso namoro... – ele abre a caixinha que continha duas alianças grossas de ouro branco com um pequeno brilhante no meio. – Resolvi comprar agora.

- Que lindo Reita. – Ruki sorria abobado. Reita então pega sua mão, colocando a aliança em seu dedo, logo o outro repete o gesto e o beija.

- Aishiteru zutto chibi. – diz Reita ao se afastarem.

- Aishiterumo Rei-chan.

Ruki beija Reita mais uma vez. Então o loiro abraça o menor, que se aninha em seus braços, e assim eles adormecem.
Tiia Matsu
Tiia Matsu

Mensagens : 1192
Data de inscrição : 01/08/2009
Idade : 26
Localização : Hellcife 8D

http://fotosgazerock.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum